Skip to content

Maio 22, 2011

“Não posso salvar uma época.
 Limito-me a constatar a sua perda, sem nostalgia,

resistindo à desmemória, à frivolidade e ao ressentimento.

Sinto-me a viver um

pós-guerra qualquer, onde alguns homens tentam reencontrar a sua dignidade,

escutando

o grito profundo que há dentro deles.

A Tempo de Compreender a Vida, Antes de a Perder.”

Paulo Nozolino

Anúncios
No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: